segunda-feira, 5 de abril de 2010

Coelhinhos, mentiras e Rock and Roll!

Porque um tiquinho de fantasia não faz mal pra ninguém!


Eu tô assim, naquele primeiro ano do filho em que a gente quer fazer todas as tradicionalidades, fotografar, filmar, mostrar pra todo mundo como o seu bebê tá uma coisa rica, um tesouro, já entende tudo, e bla´blá blá.

Pois é, Páscoa. Até os dez anos eu acreditei piamente no coelhinho da Páscoa.
E se depender de mim Cecília vai acreditar até os trinta.
E não me vem com essa história de:
-Ah, esse tipo de fantasia faz mal pra criança. -Ah, mas é só mais uma data pro comércio ganhar dinheiro, e todos aqueles argumentos que só usa quem teve infância ruim ou é pão duro pra C*.

A melhor lembrança da minha meiga infância é estar junto com minha irmã, procurando ovos de páscoa pelo quintal. Pra bem da verdade, eu nem sei quando é que eu deixei de acreditar no coelhinho que fabricava ovos e passei a acreditar na coelhinha que os comprava em 2x no cartão de crédito.

O fato é que esse fim de semana eu super me senti aquela que não deixa a fantasia morrer e fui esconder os ovinhos de páscoa pra Ciça, Rayssa e Ingrid minhas sobrinhas.
Daí que elas estavam aqui em casa e ainda era sexta, e não era páscoa.
A "estória" foi a seguinte:
O coelhinho tava passando aqui na rua, ficou sabendo que elas estavam aqui e resolveu deixar os ovinhos delas aqui na sexta mesmo. Beleza.
Íamos ficar o sábado na minha mãe, e ela, a rainha da fantasia, resolveu que os ovos que ela comprou teriam que ser achados pelas três netas de uma vez, e como Cecília não estaria lá Domingo... Outra estória!
O Coelhinho ia ter muito ovo pra entregar Domingo, então resolveu passar no sábado mesmo. (que coelhinho Workaholic)
Mas eis que ainda faltavam os ovos da minha irmã para serem entregues. No Domingo meu telefone toca e é Rayssa:
-Tia você não sabe o que aconteceu! O coelhinho veio aqui de novo! E deixou ovinho pra Cecília também!!!!!! Ele é tão bonzinho né??!! Ele deve cansar muito né tia??!!

Mentirinha pra deixar criança feliz, não tem preço.

Ah, os ovinhos de Cecília estão aqui, Cecília não pode comer muito né?! Mas eu posso. hehehe

2 comentários:

joão disse...

Lú,Até os 13 anos minha mãe picotava plástico e papel para simular um "ninho" de coelho, acredita? rsrs Eu tinha, ao menos, que me mostrar feliz e surpreso, mas sabe o que é pior? sinto saudades dessa época.rs

Luciana Matos disse...

Putz João, treze anos!!?? kkkkkkk
Dá mó saudade mesmo!
beijo!

 
Web Statistics