sábado, 28 de janeiro de 2012

Festa!

Em dezembro fizemos uma festa pra comemorar os 3 aninhos da Cecília. Um salão lindo, buffet, decoração, garçons e tudo mais.
No meio da festa Cecília trocou um vestido floral lindo por outro de Cinderela, e fez aquela entrada triunfal no salão acompanhada por uma Cinderela "de verdade" - segundo palavras da própria Ciça - até chegar ao centro do salão em que as duas Cinderelas fizeram uma dança real sob aplausos dos convidados.
A atriz fazia os movimentos, os acenos, os rodopios, os cumprimentos e Cecília repetia tudo (sem ensaio anterior), uma coisa linda!
Apesar de achar que estas festas em buffet infantil ficam muito padronizadas e sem borogodó, me rendi ao discurso de "vá como convidada" e "não se preocupe com nada", já que no ano passado eu parecia um zumbi cansado e estressado como vocês podem relembrar aqui.
Ficamos muito felizes, mas depois fiquei pensando... Essa era a festa que eu sonhava pros meus 15 anos!
Mentira, eu nem sonhava com isso tudo, no meu sonho nem tinha "Cinderela de verdade"! rs!
Se a minha festa de 15 (que ficou só no sonho por falta de verba) Cecília teve aos 3, quando chegar aos 15 vai querer descer de helicóptero no Maracanã!
E o problema nem é o dinheiro, já que até lá terei dado muitas aulas de História e estarei rica. O problema é o ego inflado, o nariz em pé, tudo o que eu não quero que a minha filha tenha.
A vida está muito superlativa, guiada pela filosofia do muito,do consumo, do grandioso e a gente está perdendo a mão...
Minha meta atual é deixar a minha princesinha sonhar, sem tirar o pé da realidade! Fazê-la compreender os sacrifícios que se faz por ela, o valor das conquistas, e a necessidade de lutar e trabalhar muito pra conseguir realizar os sonhos.
Olha como ela ficou toda trabalhada na realeza:

 
Web Statistics