segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Se chorei ou se sorri,

O importante é que o mundo não acabou em 2012.

Confesso que eu fiquei dividida entre o "tenho tanta coisa pra fazer inda" e o "não consigo terminar nada mesmo, se acabar pelo menos não terminarei nada e a culpa não será minha". Eu sei, é horrível.

Este ano não farei resoluções, farei promessas. Promessa mesmo,  pra algum santinho bem legal, tipo Santo Expedito. Ia fazer pra São Jorge que é mais cult, mas acho que ele tá muito ocupado sendo ator de novela. Acho legal essa coisa de que Santo Expedito é o Santo das causas impossíveis. Gente, o cara que se propõe a resolver coisas impossíveis merece o mínimo de crédito, né não?


Pois então, a primeira das minhas promessas será terminar tudo o que eu começar. Parar com essa mania irritante de nunca terminar os projetos. Geralmente eu começo com uma empolgação de dominar o mundo e acabo com uma preguiça de hibernar um inverno inteiro. Acabou essa palhaçada. Não importa o que for, sempre terminarei. Pode ser um quebra cabeça de 1.000 peças. (Me lembre de jamais iniciar a montagem de um quebra cabeças de 1.000 peças).

A segunda promessa será não me envolver com os problemas dos outros. Outra mania chata, com tanto problema meu ainda fico preocupada se alguém, que não direi quem pois é só um exemplo e não devo expor as pessoas que se endividam, terá dinheiro para saldar as dívidas que fez. Pararei com isso que não sou Santa Edwiges, que é a Santa dos endividados. Esse tema de santo tá recorrente aqui hein! 

A terceira promessa unirá o corpo ao espírito. Que bonito isso. Ela se resumirá a estudar e emagrecer. 

Quem não tem o que fazer e acompanha esse blog, vai se lembrar que há um tempinho atrás eu postei aqui que emagreci 7 quilos. Pois bem, os filhos pródigos à casa retornaram. Eu nem quero perder os sete não porque fiquei magra naquele naipe que parece que a pessoa precisa de nutrientes, mas quero perder alguns. Perder não, eliminar, porque exceto aquele brinco maravilhoso que agora só restou um do par, tudo o que se perde a gente encontra.
É engraçado que as pessoas ficam: - Que isso, você está óóótima! Mas eu sei muito bem que o estereótipo cintura fina e quadril largo contribui para esta ilusão de ótica e só as calças jeans 38 é que entendem a minha aflição.

Enquanto emagreço, estudarei horrores para passar em um concurso maravilhoso, que me pagará rios de dinheiro, deste modo ficarei rica e magra.

P.s. Caso eu ganhe na Mega da Virada mandarei estas promessas para o espaço e irei para a Polinésia Francesa. 


Gente, feliz 2013!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!




2 comentários:

dorinnha radashy disse...

ooi luciana!!!! adorei seu post, e eu também sou assim. no começo do ano tô mó empolgada, depois acabo desanimando. quase que eu nem termino a faculdade. bom, falta esse ano. mais ja tive vontade de desistir sim, várias vezes. e também quero emagrecer mais em 2013, quero ficar mais calma e pensar mais em mim. vamos renovar as forças e as esperanças, e crer num ano melhor que chega daqui a 3:00! beijos e feliz ano novo!

Anônimo disse...

Oi querida, desejo um super 2013 pra você. Tenho saudades dos tempos da UERJ (não voltam mais que pena). Saudades de ter uma amiga como você por perto. Sempre dou uma passada por aqui; eu sei que o seu talento pra escrever ven de longa data.
Beijos. Erika

 
Web Statistics