terça-feira, 5 de outubro de 2010

DR com o Blog.


Então Blog vamos discutir a nossa relação. (Blog faz cara de tédio)
Quando eu te criei estava em uma situação muito difícil, totalmente presa aos cuidados com o meu anjinho que ainda não era essa coisinha independente que ela se tornou hoje. Isso aqui era como uma janela, em que na falta de alguém pra conversar (você sabe, eu moro longe de tudo e de todos), eu debruçava e conversava com quem quisesse ouvir.
Pois bem, escrever aqui foi ficando cada vez mais legal, conheci outros blogs, pensamentos parecidos com os meus que me deixam feliz, pensamentos totalmente contrários aos meus que me deixam P. da vida, mas enfim, continua sendo legal, eu sei conviver com as diferenças.
Tem um negócio chamado analytics que eu entro de vez em quando, que me mostra quantas pessoas se dignaram a ler as bobagenzinhas que eu escrevo aqui, e esse número foi crescendo, foi crescendo, foi crescendo, e eu começei a te ver como algo pros outros, não mais pra mim.
Comecei a me obrigar a escrever, pra que essas pessoas que veem aqui sempre tivessem algo pra ler, e aí sim, comecei a não achar mais graça, porque o que eu gosto mesmo é da idéia da janela, se eu tô a fim de conversar eu abro e tagarelo, se não eu fecho a janela e pronto.
Volta e meia eu encontro alguém que diz: -Eu sou leitora assídua do teu blog! ou -Teu blog é muito engraçado! Nessas horas eu sinto uma vergonhona! Cara, alguém tá lendo o que eu tô escrevendo! Que vergonha! Será que tem muito erro de português? Será que eu fui muito careta quando eu falei do assunto tal?
Porque a pessoa te dizer é diferente do Analytics, lá é só um número, e números não te encontram na festa! Então essas horas são para mim um misto de alegria, vaidade e vergonha.
Sem falar na privacidade! Eu sempre me policio se não estou escancarando demais a vida aqui, porque não é legal esse egocentrismo desmedido de achar que as pessoas podem querer saber até a marca do seu sabonete. Uma coisa horrível. E tem o Marido, que é ultramegareservado, então qualquer coisa relacionada a ele é pensada trezentas vezes antes de escrever.
Enfim, o que era pra ser só uma coisinha de nada se transformou em uma coisONA de nada. rs!
Então vamos ficar combinados assim: Tudo o que for escrito aqui será somente o que estiver me dando na telha, o que for interessante pra mim. Se por ventura for interessante pros seus leitores ótimo, se não, patience.
Mais uma coisa, nada de ficar achando que eu não me importo com você só porque eu fiquei uns dias sem aparecer, não dá pinta de carente porque ninguém merece!

Pra terminar, eu gostaria de dizer aos leitores que qualquer erro de português visualizado aqui é mera alucinação, porque eu tenho curso superior e pessoas com curso superior são superiores, como o próprio nome já diz, portanto não cometem erros. Há! rs!

Se você, caro leitor, não é capaz de entender as minhas ironias leve em conta a seguinte afirmação:
"Este é um blog de ficção, qualquer semelhança com a realidade terá sido mera coinscidência."

3 comentários:

*-* Júuh. disse...

e sempre que você abrir a janela de novo estarei aqui para ler as suas tagareliçes!

Beeeijo Lu

orvalho do ceu disse...

Olá, querida
E vc tem um bom humor incrível,isso é muito bom para conviver com tanta gente diferente... legal!!!
Abraços fraternos e o meu carinho.

quareesma disse...

no dia que você se cansar da janela, abra a porta e me convide pra um café ;)'

beijas, L(u)inda :*

 
Web Statistics