quinta-feira, 26 de agosto de 2010

A gaveta.


Aqui na minha casa tem uma estante. Nesta estante tem uma gaveta. Esta gaveta só é aberta para que se jogue coisas dentro dela, raramente é pra pegar alguma coisa, e quando isso tem que ser feito, geralmente é num momento de desespero em que se precisa encontrar alguma coisa urgentemente e já se procurou em todos os cantos da casa sem sucesso.
Lá,(na gaveta) tem de tudo. Documentos importantes, como certidões de casamento, de nascimento, de nada consta, bilhetinhos de amor, certificados de garantia de tudo o que se possa imaginar, desde o nebulizador, até sei lá, a geladeira. Tem 1.478542365144525455 boletos de contas pagas e ainda bem, nehuma sem pagar. Mas tá tudo lá, desorganizado, embolado, sem critérios, sem moral nem compostura.
De quando em vez eu decido: -Vou arrumar esta gaveta! Mas tem sempre algo mais (ou menos) importante pra fazer, e a gaveta vai ficando lá, caótica. Quando eu a abro pra jogar alguma coisa lá dentro, eu faço isso bem rápido, pra que eu não fique muito tempo face to face com a bagunça, e por consequencia não me sinta tão culpada.

Mas o que me deixa mal, nem é a gaveta, nem a sua bagunça, o que me deixa mal é que a gaveta é a parábola da minha vida.
A minha vida ultimamente é o retrato desta bendita gaveta, uma inundação de coisas importantes, de amor, de pendências, de coisas pra organizar, de supérfulos a descartar, de decisões a tomar, de planos a concluir, enfim, eu preciso arrumar a minha gaveta, eu preciso organizar a minha vida.

7 comentários:

Natalia disse...

oi, Luciana!Boa essa sensação da gente num ser o único a ter a gaveta em estado de calamidade, num é? Quando eu morava com meus pais, o negócio às vezes se expandia pro quarto. Agora tem hora que vai pra casa toda! Até que chega mesmo a hora de rever as coisas e os papéis velhos... Boas arrumações pra você!
Beijos Natalia

simplesmentemonalisa disse...

Eu odeio essa sensação de estar com as coisas bagunçadas.
Que você consiga colocar logo tudo no lugar!
Beijos
Ps. obrigada pelo seu recadinho no meu blog.

Natália disse...

Talvez se um dia tu pegar essa tal gaveta e arrumar, tirar o que não presta mais, te ajude de alguma forma. bj

Luciana Matos disse...

Ô Meninas, obrigada pelo incentivo!

A gaveta de amanhã não passa! rs!
beijooooo

Juliana disse...

CARACA!!! Eu estudei sim no João Luiz entre 1999 e 2001. Você estudou lá na essa época?

Meus amigos mais chegados estudaram lá nessa época ou depois. eu fico brincando que o João Luiz cria uma rede de amizade que dura pra sempre, vc sempre esbarra em alguém que estudou lá.

Vc teve aula com a Marcia, Ivail, Carneiro, Valmir, Valéria?

Sempre tive a impressão de que você não me era estranha,mas nunca pensei em nada muuuito específico. Alem do mais, vc é uma tantinho mais velha do que eu e nesses lances de escola faz diferença.

Vai ver que a gente se esbarrou por lá!será?????

Sanger/Regnas disse...

Hey!!!!!!!!!!!!! Mas é claro que eu lembro de você!!!!!!!! Também gostei do seu blog ( pelo jeito, terei que fazer um intensivo para ficar em dia com as suas 91 postagens, coisa que farei com muito gosto!).
Abração minha amiga!!!!!!!!!!!!!

- maria elis disse...

enquanto você tem uma gaveta bagunçada, eu tenho um guarda-roupa do mesmo jeito '-'

sim, eu só adorei a comparação *--*

beijas, lu :*

 
Web Statistics